Sábado, 14 de Abril de 2012

Catorze Ladrões De Gado Detidos Na Namaacha

Catorze indivíduos estão, desde quarta-feira, detidos no Comando distrital da Namaacha, a 75 quilómetros da capital, acusados de roubo de 275 cabeças de gado bovino de Janeiro a Abril corrente.
Segundo o jornal Notícias, trata-se de indivíduos que à calada da noite e com recurso a instrumentos contundentes como catanas, machados e picaretas abatiam o gado para depois transporta-lo em viaturas para posterior venda em diversos mercados, sobre tudo da capital do país.
Segundo o porta-voz da Polícia na província de Maputo, João Machava, do universo do gado roubado durante o período em alusão, 78 cabeças foram recuperadas, parte destas vivas e outras já retalhadas e prontos a serem vendidas, e entregues aos respectivos proprietários.
Os indivíduos ora detidos admitiram que fazem parte de uma rede de indivíduos que se dedica ao roubo de gado bovino em diferentes pontos do país e na vizinha Suazilândia, escreve aquele jornal.
Falando quarta-feira à imprensa, os detidos disseram que se dedicam ao roubo de animais a mando de algumas pessoas que, segundo Machava, estão a ser ouvidas pela Polícia e porque precisam de dinheiro para o sustento das suas famílias.
Os indivíduos afirmaram que vendiam o gado já em forma de carne nos mercados informais da Matola e da cidade de Maputo.
O furto ocorreu nas regiões de Mafuiane e Changalane (Namaacha), Moamba e na vizinha Suazilândia. Para lograrem os seus intentos, os “ladrões” introduziam-se nos curais, ameaçavam os guardas para depois roubar cabeças de gado vivos ou mortos e transportar em camionetas ou carrinhas mini bus para Maputo de onde eram vendidas.
Conforme Machava, o grupo foi neutralizado graças a um trabalhado árduo de investigação desencadeado pela Polícia em colaboração com os proprietários do gado, associações de criadores e a comunidade, em geral.
“São indivíduos bastante perigosos e com uma larga estratégia no roubo de gado”,afirmou Machava.
Neste momento, conforme Machava, há um trabalho em curso com vista à neutralização de outros presumíveis membros da quadrilha e paralelamente foi instaurado um processo-crime contra os detidos.
publicado por Jornal NMz Moçambique às 09:45
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
18
20
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Vandalizada sede do MDM

. Professores de nível supe...

. Raios mataram oito pessoa...

. Saúde preocupada com elev...

. Enfermeiros reúnem-se par...

. Ministro exonera deputado...

. Caso sequestros: Ministro...

. Em plena consulta: Explos...

. Oposição critica “insensi...

. Jorge Khálau reconduzido ...

.arquivos

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

.tags

. todas as tags

.favorito

. CIDADE DE TETE, VENDA DE ...

. BREVE HISTORIAL DE NOTÍCI...

. MOVIMENTO NMOZ:: Juntos ...

blogs SAPO

.subscrever feeds